América Latina

Mais uma turma concluiu o curso “Energia e Sociedade no Capitalismo Contemporâneo”, uma parceria entre o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano e Regional da Universidade Federal do Rio de Janeiro (IPPUR-UFRJ) e o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB). O grupo de estudantes - militantes de organizações sindicais e movimentos sociais de oito países da América Latina – decidiu homenagear o Comandante Hugo Chávez dando seu nome à turma.

Com 54,42% dos votos, o presidente Hugo Chávez Frías foi reeleito na Venezuela e governará o país no período de 2013 a 2019. Há 14 anos no poder, este será o terceiro seu mandato. O candidato da oposição, Henrique Capriles, obteve 44,97% e ganhou em apenas quatro Estados dos 24 que compõem a Venezuela.

Sonimara Maranho, da coordenação nacional do MAB, dá depoimento à Alba TV em apoio à reeleição do presidente venezuelano, Hugo Chávez.

Sabedores do incidente ocorrido na refinaria de Amuay, neste país irmão, nós do Movimento dos Atingidos por Barragens do Brasil (MAB) e da Articulação Latinoamericana de Afetados por Represas (MAR), viemos manifestar nossa solidariedade a todos que de uma forma ou outra estão sofrendo neste momento difícil, sejam por serem vítimas do incidente, ou, de forma geral, pelas acusações dos grupos de direita, que se aproveitam desse momento para acusar o governo venezuelano.

Leia a moção de apoio à reeleição do presidente venezuelano, Hugo Chávez, aprovada durante o Encontro Unitário dos Trabalhadores, Trabalhadoras e Povos do Campo, das Águas e das Florestas:

Os sete mil participantes do Encontro Nacional dos Trabalhadores, Trabalhadoras e Povos do Campo, das Águas e das Florestas vêm por meio deste manifestar o seu apoio à eleição de Hugo Chávez para a presidência da República Bolivariana da Venezuela.

Uma turma de 66 camponeses e camponesas da América Latina vai receber o diploma de graduação em engenharia em agroecologia pelo Instituto Universitário Latinoamericano de Agroecologia  (IALA)  Paulo Freire, na Venezuela, neste mês de julho.

Esta é a primeira turma do curso e conta com educandos de sete países: Brasil, Paraguai, Equador, Nicarágua, Colômbia, México e Venezuela. O curso é um convênio entre o governo bolivariano da Venezuela e a Via Campesina Internacional.

Leia carta do MAB em apoio aos movimentos sociais peruanos na luta em defesa da água e do meio ambiente

O Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) se solidariza aos movimentos sociais peruanos na luta contra os megaprojetos de apropriação dos bens naturais e se soma à denúncia da criminalização do processo de resistência popular.

Ontem (03/07), foram assassinadas três pessoas durante uma manifestação legítima contra o projeto de mineração Conga, da transnacional norte-americana Newmont. Após o ocorrido, o governo peruano decretou estado de emergência e a militarização de três províncias na região de Cajamarca, no norte do país.