A indignação de uma mulher

Preste muita atenção para essa explicação

Não é causo, não é piada, é a indignação

Uma mulher atingida por tanta opressão.

 

Vou contar-lhe esta história

Que não é mentira não

É a pura realidade

Do fundo do coração.

 

Você já teve que dividir seu almoço

Para garantir de seu filho o jantar?

- Eu já!

E com certeza milhares de famílias também.

 

Você já teve que deixar de almoçar

Para dar a seu filho o que jantar?

- Eu já!

E com certezas milhares de famílias também.

 

Você paga um alto preço pela utilização da energia elétrica?

Na minha casa não tem energia não,

E a barragem foi construída

A poucos quilômetros de chão.

Fico muito indignada, vendo passar o linhão.

 

Chega de tanta opressão,

Não vou viver na escuridão.

Sem almoço, sem jantar,

Eu não vou desanimar.

 

O que me faz resistir e lutar

É a vontade de mudar

Esse modelo cego e capitalista

Para um modelo energético popular.