Água

Militantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) que estão em Marselha, na França, participando do Fórum Alternativo Mundial da Água, estiveram presentes em um ato de protesto contra a construção de grandes barragens, como a de Jirau no Brasil. O ato aconteceu na estação central de metrô de Marselha, em virtude do Dia Internacional de Lutas contra as barragens, pelos rios, pela água e pela vida, cujas ações acontecem ao redor do mundo neste dia 14 de março.

Eles reivindicam que a empresa cumpra a parte dela no acordo feito em 1986 com a Companhia Hidrelétrica do Vale do São Francisco (Chesf).

Estão em curso no Brasil duas tentativas muito bem orquestradas para privatizar o serviço de água e saneamento e também o que resta de controle público no setor de energia elétrica.

MAB participa de lançamento da campanha contra a privatização da água

Militantes do MAB participaram, no último dia 7 de novembro, do ato de lançamento da Campanha Nacional Contra a Privatização da Água, que aconteceu na Assembléia Legislativa de Alagoas, em Maceió.

Saiba mais sobre a campanha

Organizações lançam campanha contra a privatização da água

 

Nesta segunda-feira (7) um conjunto de entidades e movimentos sociais inicia a campanha “Água para o Brasil”, contra a privatização do setor de água e saneamento. O lançamento da campanha acontecerá na Assembléia Legislativa de Alagoas, em Maceió.

Tire dúvidas sobre a campanha

A água potável no Brasil pode conter 22 tipos de agrotóxicos, 13 de metais pesados, 13 de solventes e seis de desinfetantes.