Movimentos sociais e a questão de classe: um olhar sobre o movimento dos atingidos por barragens

Orientador: 
Sadi Dal Rosso
Ano: 
2010

Neste trabalho fazemos análise sobre as relações existentes entre os movimentos sociais contemporâneos e as classes sociais. A partir de uma leitura crítica da teoria dos novos movimentos sociais e do debate com autores que tem discutido a questão de classe, procuramos construir um entendimento destes conceitos que fossem adequados aos dias de hoje. Para tanto, elegemos como objeto empírico de análise o Movimento dos Atingidos por Barragens - MAB, um movimento social contemporâneo que não está organizado diretamente em torno do mundo do trabalho, mas que de acordo com nossa pesquisa possui uma identidade de classe, com os trabalhadores.